MANUSCRITO DE UM SHAUMBRA
MANUSCRITO DE UM SHAUMBRA
CADERNO-3 (PÁGINA 39)


Como seria oportuno, a esta altura da consciência, não mais contar com ninguém ou com coisa alguma... Não mais inserir quem quer que seja ou o que quer que seja... Descartar toda esta história de certo e errado... Não esperar sequer do imprevisível, que é o próprio Deus. É claro que isto não significa perda nenhuma, a não ser no contexto das crenças. Além do que, sem isto, não haverá como ocorrer a posse integral da nossa divindade.




HOME-PAGE  MENU  SUB-MENU  ANTERIOR  PRÓXIMA